Ação de solidariedade foi em comemoração ao Dia do Orgulho LGBTQ+.

Membros do movimento LGBTQ+ fazem doação de sangue coletiva, em João Pessoa Movimento do Espírito Lilás/Divulgação O movimento LGBTQ+ da Paraíba, composto por diversas organizações, realizou uma doação de sangue coletiva, nesta segunda-feira (29), em João Pessoa.

A ação foi em comemoração ao Dia do Orgulho LGBTQ+, celebrado no domingo (28). Artistas da Paraíba ressaltam a importância do Dia do Orgulho LGBTQ+ O ato simbólico serve pra incentivar mais membros da comunidade LGBTQ+ a doarem sangue, segundo Cleber Ferreira, representante do Movimento Espírito Lilás.

Para o grupo, a doação coletiva foi um momento histórico do movimento. "Na ação de hoje pudemos criar uma campanha que possibilita cada pessoa LGBT do estado da Paraíba em doar sangue nos Hemocentros sem esconder sua identidade de gênero e sua orientação sexual", disse. Participaram da doação os o Movimento do Espírito Lilás (MEL), Associação das Travestis e Transexuais da Paraíba (ASTRAPA), Grupo de Mulheres Lésbicas e Bissexuais Maria Quitéria, PETRIS – Coletivo de Homens Trans da Paraíba, Grupo Irakitam de Conde, Movimento de Bissexuais (MOVBI), Coral de Sapé, MOAR, Grupo LGBT de Guarabira, Movimento LGBT de Cajazeiras, Carolinas de Campina Grande, ONG Iguais e (ARTGAY) Articulação Brasileira de Gays. "É uma conquista que marca o fim de um rotulo, de um preconceito, que nos coloca como se fossemos doentes e nós não somos.

Somos cheios de vida, somos cheios de luta, somos cheios de resistência", disse Cleber. Initial plugin text Devido à pandemia de Covid-19, o Hemocentro da Paraíba tem realizado agendamento para doação de sangue.

Para ter acesso ao serviço, o doador deve salvar o contato do órgão, o número (83) 3133-3473, e enviar uma mensagem através do WhatsApp informando o nome, o dia e o horário da doação. Em maio, o Supremo Tribunal Federal decidiu que as normas do Ministério da Saúde e da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) que limitam a doação de sangue por homens gays são inconstitucionais.